mais sobre mim


Domingo, 25 de Maio de 2008
PSD quer o fim dos cuidados de saúdes universais e gratuitos

 

 

Todos os candidatos são unânimes, o sistema nacional de saúde, universal e gratuito, deve acabar. Desta perspectiva, não há muito a fazer... Viva José Sócrates, deixem-no lá estar, por muitos e bons anos... É que o Primeiro Ministro só vai "fechando" umas unidades de saúde, nada mais... Deixa-nos ser pobres, mas com direito aos cuidados de saúde como sempre conhecemos.

Inglaterra, por exemplo, tem melhores cuidados de saúde que Portugal, faz mais despesa e, se formos parar ao Hospital, que nunca sabemos como, ainda nos dão dinheiro para ir para casa... Já p+ara não falar nas Farmácias... TANTO FAZ COMPRAR UM SACO CHEIO DE MEDICAMENTOS COMO UMA CAIXA, O PREÇO É SEMPRE O MESMO... Não me consta que estejam á beira da ruptura ou da falência... Não vamos errar mais do que já errámos... deixem-nos pobres mas com saúde, que pobres e doentes mais vale morrer! Meus caros, se isto continua assim o Veneno junta-se à lista do caís de embarque do Aeroporto da Portela e o último a sair que feche a porta e apague a luz no aeroporto...

Mas estes sociais democratas estão todos doidos ou quê? Manuela Ferreira Leite diz que gostaria que Sócrates dormisse menos descansado, após a eleição dela... Pois minha cara, aqui lhe avanço já, em primeira mão, e porque tenho condições para isso (não preciso sequer ser vidente), que com esta ideia maluca do fim dos cuidados de saúde universais e gratuitos, o Primeiro Ministro terá um soninho muito mais descansado, o que até é bom... Pelo menos para Fernanda Câncio, que deve gostar de o "apanhar" fresquinho...

 

 

Já Santana Lopes disse uma tremenda de uma verdade... Há gente a passar fome neste país e parece que ninguém quer saber, porque toda a gente se recusa a ver, e a encarar a dureza da realidade vivida por bastantes portugueses. As "vacas gordas" há muito que migraram, e toda a gente dá conta do fim desses tempo, mais que não seja pela mudança de hábitos de muitos portugueses: deixam de ir aos supermercados do costume para escolher cadeias de preços reduzidos, deixam de abastecer o carro em todas as bombas, optando pelas que "oferecem" o melhor preço, os cabazes de compras baixam de Qualidade, volta-se para casa mais cedo, comesse mais em casa, bebe-se menos na rua, e compram-se menos bebidas alcoólicas... Até os bolos caseiros voltaram "à moda"! Chegámos "aos dias da amargura", e quem ainda pode, vai vivendo, mas já viveu melhor...

Quem mais tem, menos sente, mas o negócio é uma coisa que, de um modo geral, vai mal... E até as grandes catedrais do consumo se ressentem. Pode não se remodelar a casa ou os acessórios da dita, mas a comida tem que ir para a mesa, seja como for... O guarda roupa pode esperar, o carro também... Até as lavagens de carros no interior das superfícies comercias estão "às moscas"... E assim se vão "levando" os dias, menos bem... Ou menos mal!

Quanto ao "socialista de meia tigela", acho que com esta tentativa de homicídio do sistema nacional de saúde, o PSD acabou de lhe dar, a esse mesmo socialista, a tigela inteira! 

sinto-me: Doentio
música: Amália Rodrigues - Madrugada de Alfama
publicado por Conventodaalma às 21:22
link do post | comentar | favorito
|
pesquisar
 
posts recentes

Souvenir do tempo da II G...

Falha Grave do Monstrengo...

Entidades empregadores ch...

Pingo Doce: com menos de ...

Foi há 35 anos que o Rei ...

Agosto 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
18
19
20
23
24
25
26
27
28
30
31
comentários recentes
E estamos tão perto da final !! Entre França e Esp...
já vi que tens um blog para lavar a roupa suja do ...
EU QUERO CONTRIBUIR COM 15.000 LTS DE GASOLINA!! A...
Alguém que sabe o que fala! Não é não preocupando ...
Realmente, eu sou sincero, estou farto, estou fart...
Posts mais comentados
subscrever feeds
tags

todas as tags